História da Arte: Arte Rupestre

Arte rupestre é o nome dado as representações artísticas da época da pré-história. Geralmente realizadas em paredes, tetos e outras superfícies de cavernas e abrigos rochosos, ou mesmo sobre superfícies rochosas ao ar livre. São os registros mais antigos da existência humana podendo datar mais de 40.000 a.C.

Arte rupestre rupestre pre-historia arte na pre-historia

Características

O termo rupestre vem da palavra em latim ‘rupes’, que significa ‘rochedo’, ou rocha, pedra. Isso porque a grande maior parte dos registros desse tipo de arte que a humanidade encontrou ao longo da história, foi gravada em rochas, cavernas e afins. O maior número estão situados na África, em especial no Deserto do Saara, afinal, tudo aponta para que a vida humana tenha começado nesse continente, mas também temos artes rupestres no Brasil, que podem ser encontradas principalmente no Parque Nacional da Serra da Capivara, localizado no Piauí.

Alguns historiadores acreditam que as primeiras gravuras e pinturas da humanidade tenham nascido como a primeira tentativa de comunicação escrita, e apesar de receber o nome de arte não possuía cunho de fato, artístico. Outros estudam a possibilidade da utilização destas ilustrações como rituais religiosos, sendo uma das hipóteses mais aceitas de que certas imagens possuíam cunho mágico, para o homem da pré-história, no qual acreditavam que pintar poderia resultar em uma previsão do futuro ou algo possível.

Isso explicaria o grande número de registro de caçadas, a teoria dizia que, por exemplo, ao registrar um grupo de homens caçando um bisão, esses homens acreditavam que sairiam vitoriosos dessa caça pois a pintura se tornaria realidade.

Na grande maioria das pinturas rupestres é possível verificar a ocorrência de linhastraços formas geométricas básicas, impressões de pés e mãos dos seres humanos e de animais da época, e retratações cotidianas de homens ou animais, como caça e alimentação.

Arte rupestre rupestre pre-historia arte na pre-historia
A arte rupestre é caracterizada por desenhos simples e impressões

Tipos de Arte Rupestre

Essas manifestações se dividem em gravuras rupestres e pinturas rupestres. Sendo a aplicação de pigmentos sobre superfícies, e a gravação de desenhos feitos com fissuras nas rochas, respectivamente.

Além destes, também foram registradas as esculturas rupestres.

Arte rupestre rupestre pre-historia arte na pre-historia
Gravura rupestre
Arte rupestre rupestre pre-historia arte na pre-historia
Pintura rupestre
Arte rupestre rupestre pre-historia arte na pre-historia
Escultura rupestre

Materiais utilizados

Por tratar-se de registros bastante simples, é claro que os materiais também seriam menos elaborados. No geral, materiais de fácil acesso encontrados na natureza, como argilas, minerais, carvão, ossos carbonizados e vegetais misturados com clara de ovo, sangue, excrementos, gordura animal, bem como ceras e resinas vegetais para fixação.

As gravuras por sua vez, seriam resultado do uso de ossos e armas criadas pelo homem pré-histórico.

Acredita-se também que esses registros tenham surgido juntamente com os móveis, elementos decorativos, entre outros.

Localização

As pinturas da caverna de Altamira, localizada na Espanha, foram as primeiras pinturas rupestres a serem apresentadas ao mundo oficialmente cerca de 150 anos atrás. As pinturas e gravuras da caverna pertencem ao Paleolítico Superior, entre 14 500 e 16 500 a.C.

As mais preservadas e estudadas localizam-se na França e no norte da Espanha, em Portugal, na Itália, na Alemanha, nos Balcãs, no norte da África, na Austrália e na Sibéria. No entanto, é possível encontrar registros rupestres por todo o globo.

Arte Rupestre no Brasil

É possível encontrar os principais registros rupestres no Brasil nos locais

  • Parque Nacional da Serra da Capivara em São Raimundo Nonato (Piauí)
  • Parque Nacional Sete Cidades (Piauí)
  • Cariris Velhos (Paraíba)
  • Lagoa Santa (Minas Gerais)
  • Rondonópolis (Mato Grosso)
  • Peruaçu (Minas Gerais)

As Vênus pré-históricas

As estatuetas de Vênus são representações pré-históricas femininas, da era paleolítica. As características dessas peças são sempre figuras femininas, geralmente gordas ou grávidas. Essas estatuetas foram encontradas da Europa Oriental até à Sibéria e foram feitas em pedras moles. Algumas são os objetos de cerâmica mais antigos de que se tem conhecimento.

A primeira Vênus foi encontrada em 1864, chamada de Vênus Impudica. A mais famosa das Vênus, a Vênus de Willendorf foi encontrada em 1908 no vale do Danúbio, na Áustria.

Desde então, cerca de 200 figuras semelhantes já foram descobertas.

Acredita-se que as Vênus tenham sido uma espécie de padrão de beleza na pré-história, e até mesmo ícones pornográficos. Durante a maior parte da história, a figura da mulher gorda era usada como símbolo de fartura, fertilidade e saúde. Há também a possibilidade de que as Vênus representassem as figuras divinas de cada região.

Arte rupestre rupestre pre-historia arte na pre-historia
Vênus de Willendorf é a Vênus rupestre mais famosa

Serra da Capivara

O maior conjunto sítio arqueológicos no Brasil localizados na Serra da Capivara colocam em xeque as teorias sobre o processo migratório para as Américas. O Parque Nacional da Serra da Capivara foi considerado Patrimônio Cultural da Humanidade em 1991, indicam a presença humana há, pelo menos, 50.000 anos e possui 129.140 hectares.

A teoria arqueológica mais aceita sobre a chegada do homem na América defende que os primeiros tenham chego ao continente apenas entre 12 a 15 mil anos atrás, saindo da Ásia e atravessando a pé o Estreito de Behring.

No entanto, as evidências encontradas na Serra da Capivara apresentam uma nova perspectiva. Sem precisar descartar a teoria da migração humana por meio de Behring, os estudiosos da área sugerem que o continente americano teria sido colonizado por mais de uma via.

A hipótese mais provável sustentada pela pesquisa é a de que pescadores, vindo da África, arrastados pelas correntes marinhas e chegaram a América do Sul, empurrados pelos ventos alísios. Análises morfológicas dos crânios encontrados na zona da Serra da Capivara feitas por pesquisadores chegam à conclusão de que pertenciam ao tipo humano australóide-negróide e não ao tipo humano asiático.

Arte rupestre rupestre pre-historia arte na pre-historia
Arte pré-histórica encontrada na Serra da Capivara

FAQ – Perguntas Frequentes

O que é arte rupestre?

Arte rupestre é o nome dado as representações artísticas da época da pré-história. Geralmente realizadas em paredes, tetos e outras superfícies de cavernas e abrigos rochosos, ou mesmo sobre superfícies rochosas ao ar livre. São os registros mais antigos da existência humana podendo datar mais de 40.000 a.C.

Quais os tipos de arte rupestre?

Essas manifestações se dividem em gravuras rupestres e pinturas rupestres. Sendo a aplicação de pigmentos sobre superfícies, e a gravação de desenhos feitos com fissuras nas rochas, respectivamente.

Quais materiais eram usados?

Por tratar-se de registros bastante simples, é claro que os materiais também seriam menos elaborados. No geral, materiais de fácil acesso encontrados na natureza, como argilas, minerais, carvão, ossos carbonizados e vegetais misturados com clara de ovo, sangue, excrementos, gordura animal, bem como ceras e resinas vegetais para fixação.
As gravuras por sua vez, seriam resultado do uso de ossos e armas criadas pelo homem pré-histórico.
Acredita-se também que esses registros tenham surgido juntamente com os móveis, elementos decorativos, entre outros.

Onde se encontram as artes rupestres?

As pinturas da caverna de Altamira, localizada na Espanha, foram as primeiras pinturas rupestres a serem apresentadas ao mundo oficialmente cerca de 150 anos atrás. As pinturas e gravuras da caverna pertencem ao Paleolítico Superior, entre 14 500 e 16 500 a.C.
As mais preservadas e estudadas localizam-se na França e no norte da Espanha, em Portugal, na Itália, na Alemanha, nos Balcãs, no norte da África, na Austrália e na Sibéria. No entanto, é possível encontrar registros rupestres por todo o globo.

O que são as Vênus pré-históricas?

As estatuetas de Vênus são representações pré-históricas femininas, da era paleolítica. As características dessas peças são sempre figuras femininas, geralmente gordas ou grávidas. Essas estatuetas foram encontradas da Europa Oriental até à Sibéria e foram feitas em pedras moles. Algumas são os objetos de cerâmica mais antigos de que se tem conhecimento.

Se gostou do conteúdo, compartilhe com seus amigos e grupo de estudos. Comente também se tiver alguma dúvida ou sugestão. Não se esqueça de nos seguir nas redes sociais para receber nossos conteúdos quentinhos saindo do forno.

A importância da arte rupestre para a humanidade é imensurável. Além de fornecer dados e informações sobre o estilo de vida e o desenvolvimento da arte do homem pré-histórico, auxilia nos estudos sobre o comportamento nas situações mais extremas e a evolução da humanidade como um todo.

Você pode conferir outros assunto relacionados a história aqui e pré-história aqui.


Deixe um comentário