Entenda o que é o Paradoxo dos Gêmeos

O paradoxo dos gêmeos, ou paradoxo de Langevin, é um experimento mental envolvendo a dilatação temporal, uma das consequências da Relatividade restrita. Atualmente já comprovada experimentalmente.

É um problema que ilustra o que acontece com dois observadores que possuem um movimento relativo. O Problema mostra como um evento pode não ser simultâneo para dois observadores.

Leia Também:

Como Aprender As Leis De Newton De Maneira Simples
O que é Notação Científica
Entenda o Processo de Formação do Arco-íris
Entenda o Paradoxo dos Gêmeos
Entenda os Estudos da Óptica

Entenda o que é o paradoxo dos gêmeos
Entenda o que é o Paradoxo dos Gêmeos

O que é o Paradoxo dos Gêmeos

O paradoxo dos gêmeos foi um experimento mental proposto para demonstrar a teoria da dilatação do tempo. Uma das consequências da Teoria da relatividade proposta por Albert Einstein, é que o tempo não é uma grandeza absoluta como afirmavam os grandes pensadores da Física Clássica, e sim uma grandeza relativa que depende da velocidade dos corpos.

Essa dependência do tempo em relação ao movimento recebe o nome de “dilatação do tempo”. A dilatação do tempo afirma que o tempo passa mais devagar para objetos que se deslocam com altas velocidades, esse é o fenômeno abordado por exemplo, no filme Interestelar. Matematicamente, essa teoria é expressa pela seguinte equação:

Equação paradoxo dos gêmeos
Equação Paradoxo dos Gêmeos

Para exemplificar a teoria da dilatação do tempo, foi proposto o paradoxo dos gêmeos. De acordo com o paradoxo, se um homem faz uma viagem ao espaço em alta velocidade, quando ele voltar, estará mais jovem do que seu irmão gêmeo que ficou na Terra.

Entenda o que é o paradoxo dos gêmeos
Entenda o que é o Paradoxo dos Gêmeos

O paradoxo dos gêmeos vem sendo discutido há décadas na comunidade científica e já foi comprovado experimentalmente. Um dos experimentos consistia em colocar relógios atômicos que marcavam precisamente o tempo dentro de aviões comerciais que viajavam em diferentes direções e, em seguida, comparar o tempo medido por esses relógios com os relógios que ficaram fixos, conseguindo assim comprovar experimentalmente a dilatação do tempo.

Você também pode se interessar:

FAQ – Perguntas Frequentes

O que é o Paradoxo dos Gêmeos?

O paradoxo dos gêmeos, ou paradoxo de Langevin, é um experimento mental envolvendo a dilatação temporal, uma das consequências da Relatividade restrita

Porque o tempo se dilata?

Dilatação do tempo é a diferença na medida do tempo por dois relógios idênticos e perfeitamente sincronizados que surge quando um desses relógios está se movendo em uma velocidade comparável à velocidade da luz ou ainda quando está sujeito a um campo gravitacional diferente do que se encontra o outro relógio.

O que acontece se viajar na velocidade da luz?

Apesar de parecer uma experiência incrível, a viagem na velocidade da luz é impossível para nós. Considerando que a velocidade da luz é de 1.07 bilhões km/h, se um objeto se movesse a essa velocidade, sua massa se tornaria infinita. Portanto, será necessária energia infinita para mover o objeto, o que é impossível.

Como a velocidade deforma o tempo?

Segundo Einstein, tudo no Universo se move a uma velocidade distribuída entre as dimensões de tempo e espaço. Para um corpo parado, o tempo corre com velocidade máxima. Mas quando o corpo começa a se movimentar e ganha velocidade na dimensão do espaço, a velocidade do tempo diminui para ele, passando mais devagar.

Como funciona a relatividade do tempo?

No estudo da Física Clássica, o tempo transcorre da mesma forma para qualquer que seja o referencial adotado. Assim, para dois corpos munidos de cronômetros, o tempo passaria da mesma forma, independentemente de um dos corpos estar em repouso e o outro em movimento.

Quem criou o paradoxo dos gêmeos?

O paradoxo dos gêmeos baseia-se em uma das consequências da Teoria da Relatividade: a dilatação temporal. O paradoxo dos gêmeos foi um experimento mental proposto pelo físico Paul Langevin (1872-1946) em resposta à Teoria da Relatividade, de Albert Einstein.

Gostou do conteúdo? Que tal dar uma olhadinha em outros assuntos?

Não se esqueça de nos seguir nas redes sociais para ficar por dentro de tudo!

Deixe um comentário